domingo, 20 de maio de 2018

Escrevo em prosa, em verso... a poesia é minha lida!

Escrevo em prosa, em verso... a poesia é minha lida! 
Ela transborda em névoas nos poros do meu coração, 
e fluem em chamas ardentes nas veias de minh'alma... 
No cérebro dos meus dedos, escorrem sentimentos que arquitetam palavras a exaltar o desejo, a paixão... 
Poesia? Essa é dádiva dos poetas: conseguem ver a face e ouvir a voz do amor..." 

(Inácio Dantas)


"Louvado seja Deus que inventou a poesia: 
ela fala comigo e eu a ouço; eu falo com ela e sou ouvido. 
Bem melhor que ouvir a mudez ou falar à surdez de certas pessoas..."


(Inácio Dantas)

segunda-feira, 14 de maio de 2018

Sonetos - Livros "Sombras e Luzes", "Sonetos para Sempre", "Janela para o Mar"

Promoção dos livros de sonetos "Sombras e Luzes", "Sonetos para Sempre" e "Janela para o Mar"
Cada um R$ 15,00. Os três por R$ 40,00 (+correios). Aproveitem!






Peça pelo email:
inaciodantas@zipmail.com.br

Poema XXXV de Inácio Dantas

Resultado de imagem para mulher romantica



Poema XXXV
"No sol em fogo do teu seio me aqueci
Na taça d' ouro da tua boca m'embebedei...
Dormi o sono da vida... Viajei... Não longe, aqui, ali
Em plácidas paisagens, matas, sertões, sol no apogeu
Despertei... E na coroa dos teus cabelos fiz-me rei
Entre flores vivas da cripta de quem reviveu
Posto que, é porque você é você que eu sou eu..."
(Inácio Dantas)

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Poema uno

Poema uno

"O que me une a ti
é sublime, transcendental
É a haste e o fruto, lua no mar,
clarão espraiado no val...
O que me une a ti
é preso em algemas de aço
de sóis e estrelas do espaço
Irrompível às escuridões, brumas, tormenta
de Deus, num cordão umbilical,
e eu dentro da placenta..."

(Inácio Dantas)

quarta-feira, 28 de março de 2018

Poema infinito

Resultado de imagem para infinito



Poema infinito

...Era um sentimento, qual uma represa, e que agora abriu as comportas... 
Uma avalanche deságua derrubando pelos rios do corpo os pilares do desejo... 
A ponte das emoções, antes fincada nas rochas firmes do não-amor, esfacela-se em retalhos de ilusões retorcidos pela força da paixão... 
Tudo à frente agora é um mar, calmo, sereno, belo, desconhecido...
e infinitamente infinito...


(Inácio Dantas)

Poema de Hoje


Resultado de imagem para sol na cama
Poema de Hoje

"Hoje quero a brisa da paz, corações desarmados, mentes sem munições...
Quero o silêncio das bocas falantes, línguas travadas no cadeado da censura sublime...
Quero um toque de seda de carinhos na pele, o néctar acre de beijos mordidos...
Quero chuva d'estrelas e sóis, harpas e cítaras de anjos no tálamo do amor...
Quero fluir, erupções candentes a jorrar enchendo o páramo vazio...
Quero... E querer é poder!"

(Inácio Dantas)

quinta-feira, 8 de março de 2018

Poema à mulher, no dia dia internacional (08 de março)

Resultado de imagem para dia internacional da mulher





Poema à mulher

"Deus, do homem fez a mulher, da costela
Eu, no entanto, tenho a impressão
Que pra fazer obra tão bela
De doçura e sabedoria tanta
Ternura, meiguice que encanta,
Que Deus, na Sua divina missão
Ao manusear matéria perfeita
Se encandeou, qual luz refletida na visão,
E que na verdade a mulher foi feita
Da força imensa da costela,
E do amor imortal do coração...!"

(Inácio Dantas)

(8 de março, dia Internacional da Mulher)